segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Ardente


a ti


falo em versos
palavras entumecidas
poema ardente
al dente

mãos esgueirando-se
pelas curvas 
da poesia que vem
para abrir o a mar 

e entregar ao poeta
a tão sonhada
terra prometida

onde o maná cai 
incessante
do céu 
das bocas

rios de mel
correm entre braços 
e pernas
e luar

Samara Lamat
by Carmen Regina

3 comentários:

Jefferson Alves .'. disse...

A ti respondo em pensamentos, que ser tornaram palavras.
Que sempre estarão a te seguir, pensamentos estes que são de um poeta.
Que sempre pensa apaixonado em busca de seu coração perdido por fim de um poeta apaixonado.

Jefferson Alves .'.

Ronaldo Nunes disse...

como quero viver nessa terra prometida, eu você e mais quem se dipor a lá morar.

Bem sabemos o bem que nos faz poetizar.
Poesia inspira, transpira e nos faz respirar...
Poesia é isto
E tu soube bem sintetizar.

Carmen Regina Dias disse...

Ah, amei suas palavras, descem macias aqui dentro...

delícia,

beijos..