quinta-feira, 19 de março de 2009

no bico do beijaflor

.


Nem pensar!
(enquanto penso os lírios anoitecem...)

Agora, é sentar e esperar.
(assim, os poemas acontecem.)



Náo tire os olhos da flor.
(no bico de um beija flor chegam 
palavras lindas e perfumadas,


de amor.)


Carmen Regina

Um comentário:

Damáris disse...

Geminiana linda e de sensibilidade apurada é esta mulher, que a gente
sabe que é "nosso" elo de aço, porque não existe quem não se encante com a inteligencia milimetrada de sensibilidade...
Caramba, ela se define assim:
"Ora brisa, ora vendavais uivantes, ora imperceptível aragem, o tempo todo movimento e mudança na paisagem.."
Amo voce e teu jeito "incopiável" (rs) de ser...
eu acrescento... nuvem delineada
no céu do nosso universo...


Te admiro demais, amiga, no "Bico do Beija-flor", porque acho que foi de lá que saiu tua semente!!!!